segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Jogo do Brasil - Seleção Feminina - Semifinais Maracanã

Hoje acabou oficialmente as Olimpíadas aqui no Rio e vai deixar muita gente com saudades. Sempre fui contra a maneira como essa olimpíada foi organizada aqui no Rio, que foi com dinheiro do povo!! Muitos aposentados e funcionários do estado ficaram sem receber, além de muitas pessoas na rua :( Mas contra o esporte não, sempre apoiei, inclusive fui em Copacabana em 2009 assistir a cerimônia de escolha da cidade, que foi super legal!!

Eu e meu marido queríamos ir assistir algum esporte nesses jogos olímpicos e acabamos optando por prestigiar as meninas da seleção brasileira de futebol feminino, pena que elas perderam. Mesmo assim foram altas emoções: minha primeira vez assistindo um jogo no maracanã e teve direito até a cobrança de pênaltis... huahaha.



Jogo do Brasil - Seleção Feminina - Semifinais Maracanã
Isto foi no começo... Maracanã ainda vazio... não imaginei que fosse ficar cheio, porém, LOTOU!!

Jogo do Brasil - Seleção Feminina - Semifinais Maracanã

Maracanã lotado

Protesto no Maracanã

Depois do jogo e da tristeza que foi a eliminação, pegamos o metrô (cujas catracas estavam livres) e fomos ao Boulevard Olímpico no centro do Rio e andamos MUITO.






Enfim, foi um dia atípico, muito gostoso, não trabalhamos e demos uma de turista. Parece que o Boulevard ainda ficará aberto por mais alguns dias, então corram pra aproveitar.

Beijos, Thainá.

sábado, 20 de agosto de 2016

Meu filho/a quer ser Youtuber, e agora?

Ultimamente muitas crianças estão desejando ser Youtuber e algumas leitoras, mães dessas crianças, me pediram ajuda.

Primeiramente, Youtuber são pessoas que trabalham criando conteúdos em vídeo pra internet. O conteúdo é totalmente opcional, você pode criar vídeos falando sobre o que quiser, sempre tem espaço pra mais um, não se assuste com "concorrência".

Geralmente canais que falam sobre um nicho (assunto) específico tendem a conquistar mais inscritos, mas você pode criar um canal sobre variedades também. Isto é muito legal: além de exercitar a criatividade do seu filho, acrescentar a rotina dele uma atividade nova, ele pode aprender um ofício, criar disciplina, e ainda contribuir com conteúdo relevante para o Youtube. Se seu filho quer criar vídeos pra internet e ainda ganhar um dinheiro com isto, vou deixar abaixo um passo a passo de como começar.

Dicas para criar canal no Youtube

  • Criando o canal: Primeiramente você pode usar uma Conta do Google (Gmail) ou criar uma nova. É gratuito. Ao criar uma conta do Google, é normal o serviço criar um perfil pessoal pra você no G+ (que é a rede social do Google) e posteriormente, ele estar vinculado ao canal que você quer criar. No entanto, isto é opcional: você pode criar um canal no Youtube vinculando-o a seu perfil pessoal no G+ ou a uma página no G+ (mais aconselhável); Acesse o youtube com a sua conta do google logada e pronto, você estará criando seu canal;
  • Ajeite seu canal: É muito importante que, ao criar o canal do Youtube, você arrume o layout (aparência) dele colocando uma foto de perfil, uma foto de capa, organize a disposição das sessões dele, isto ajuda muito no crescimento do mesmo. Adicione canais que tenham a ver com a temática na sessão de indicações pois isto ajuda também. Organize a descrição do canal na sessão "Sobre", os links para redes sociais, quanto mais organizado melhor;
  • Envie vídeos com frequência e boa qualidade: O Youtube prioriza a divulgação de canais que tenham uma boa frequência de envios, um vídeo novo por semana é bom pra começar. Tenha zelo ao criar os vídeos, veja aqui dicas de como deixa-los com uma boa qualidade.
  • Não exponha seu filho negativamente: É importante que os pais sempre monitorem o que os filhos estão enviando e assistindo no Youtube. Confira aqui dicas pra regular isto. Não deixe seu filho expôr o endereço de vocês, o nome da escola que estuda, os locais e horários onde vocês estarão porque é perigoso.
  • Prepare seu filho para críticas: O youtube também tem seu lado ruim, que são os haters. São pessoas maldosas que entram nos vídeos dos outros apenas pra falarem mal e xingarem. É importante que seu filho saiba que isto pode acontecer. Você também pode controlar esses comentários, então não chega a ser um grande problema, mas é importante que você acompanhe os passos do seu filho no Youtube, por isso tenha sempre a senha e o login, e esteja ao lado dele na produção dos vídeos.

Essas são as dicas básicas pra se começar um canal no Youtube, é bem simples e tudo de maneira gratuita. Para começar a receber dinheiro com isto, acalme-se e faça o trabalho que o Google entrará em contato com você se achar que o canal é bom para isto. Esteja disposto a ajudar seu/sua filho/a pois é algo que demanda um certo tempo pra organização e criação. Realizar tais tarefas através de um computador é bem mais fácil que por um celular, fica a dica ;)


Espero que gostem das dicas e compartilhem com outros pais que tem filho desejando o mesmo. Beijinhos, Thainá.

Curta nossa página para acompanhar novas postagens ↓😊

Mãe de pet x Mãe de gente

A nova onda do Facebook é a guerrinha entre mães e mulheres que se reivindicam "mães de pet" (mães de animais de estimação).

Não preciso nem dizer que isto é ridículo né? Comparar os cuidados que uma criança demanda com os cuidados que um bichinho demanda é o cúmulo!! 

Tenho uma amiga mãe de pet que ficou chateada por desmerecerem o cuidado que ela tem com seus cãeszinhos, e pelo menos nesse ponto eu entendo porque convivi com muitas mulheres que se acham superiores pelo simples fato de terem filhos (falei sobre elas aqui).

Agora querer comparar? Sem essa!


Nenhuma mãe de pet deixa de sair por causa do pet, salvo raríssimas exceções. Nenhuma mãe de pet é culpada pelo mal comportamento do pet, dizendo que ela "passa muito a mão na cabeça" do pet. Animais geralmente agem no automático, bastando alimentá-los e pronto. Banho uma vez por semana, quando quer castigá-los deixa o bichinho sem acesso a algum local... agora criança é diferente, elas são imprevisíveis, o cuidado é além do alimentar, você precisa entender como seu filho pensa, você se culpa por coisas que não deveria, você é cobrado/a por outras pessoas que não tem moral alguma pra palpitar, enfim, ser pai e mãe não é fácil!!

Muitas vezes dizer-se mãe de pet soa arrogante, uma postura elitista, pois muitas mulheres tem seus filhos em situações não programadas e vivem, por conta disto, com muitas dificuldades, especialmente a financeira. Mãe de pet tem a opção de ser ou não, a sociedade não as cobra que procrie, nunca é e nem será a mesma coisa, mas podemos viver em harmonia.

Acredito que muitas mulheres se digam mãe de pet por brincadeira, então, não leve esta história tão a sério que ao invés de nos unir, apenas nos separa. Acredito também que muitas mulheres problematizem este assunto por insegurança, por tentarem vender a maternidade real como algo acima do bem e do mal, bastando uma simples brincadeira para abalar seu ego... 

Enfim, o melhor é levarmos esta história na esportiva e nos concentrarmos em problemas de verdade para que a maternidade, seja de pet ou de crianças de verdade, seja sempre algo bom para a mulher e pra sociedade também.

Se você gostou deste texto, curta nossa página no Facebook e acompanhe 💗⇩

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Meios alternativos pra Blogs

Tem tempos que não posto aqui no blog umas dicas pra quem quer ser blogueiro ou pra quem já é, né?

Acho muito legal a pessoa ter um blog ou canal no Youtube pra compartilhar seus conhecimentos e coisas interessantes no geral. Cada dia que passa fico mais viciada em acompanhar blogs e canais que falam sobre algum assunto específico pois acredito que a internet dá boas oportunidades pra profissionais exporem seus conhecimentos. Não é a toa que assisto mais Youtube que TV aqui em casa. Existem pessoas com potencial incrível para dividir com as pessoas mas nem sempre tem oportunidade, dinheiro, espaço pra fazer isto. A internet é democrática neste sentido.


A alguns anos atrás, quem queria se expor ou expor algum trabalho, conhecimento, recorria a criação de blogs (foi assim que criei este cantinho aqui) e vídeos não eram tão populares como hoje em dia. Até hoje há uma mentalidade que, pra expor algo ou se expor na internet é necessário ter um blog no formato mais tradicional, como este, por exemplo. Mas vejo que este formato perdeu um pouco suas forças. Canais no Youtube e Páginas no Facebook tem atraído muito mais expectadores e interação, pois as pessoas consomem mais tais redes sociais.

Tenho uma amiga que gosta muito de falar sobre politica em seu perfil pessoal do facebook e atinge muita gente assim. Ela manifestou a vontade de criar um blog e eu me pergunto: por que? Tudo bem que o blog, quando bem administrado, possui recursos que o Facebook não tem. Mas este último tem um alcance bem maior, uma interação que blogs não tem conseguido atingir. Quando posto uma receita na nossa página, por exemplo, são muitos comentários, já aqui, quase nada. Um blog no formato tradicional dá trabalho pra editar, no facebook é tudo mais simples, ideal pra quem não tem tanto tempo.

Acredito que hoje em dia, pra se lançar na internet de qualquer forma que seja, você NÃO PRECISA ter um blog necessariamente. Você pode usar seu próprio perfil pessoal no facebook habilitando a função "seguir", pode criar uma página, pode criar um canal no Youtube, uma conta no instagram... E pra decidir qual o melhor meio, avalie o tipo de conteúdo que deseja compartilhar. 

Quando é ideal criar-se um blog? Quando o conteúdo que você deseja compartilhar tiver uma necessidade maior de ser compartilhado em textos. Se você não gosta de escrever, não gosta de editar nem de fotografar, blog não é pra você. Fotografias também são importantes, se você gosta de lidar somente com elas, use o instagram ;)

Lembre-se que estes conteúdos tendem a contribuir de alguma maneira no futuro para nossa história, serão registros desta época, pois as redes sociais estão cada dia mais presentes no nosso cotidiano. Pode parecer viagem mas não é não, somos nós, cidadãos do mundo, com uma oportunidade de ter voz.

Se você gostou deste texto, curta nossa página no Facebook e acompanhe 💗⇩

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

O Feminismo e a Dona de Casa

Já ouvi da boca de uma pessoa que preferia ficar em casa, cuidando do lar e do marido à trabalhar, maldizendo o movimento feminista por ter "tirado" isto dela.

Esta mesma pessoa tem um marido funcionário público que recebe uma boa remuneração, além da estabilidade. Poderia ficar o dia inteiro a toa, com um empregado doméstico realizando seus afazeres, logo, ela não fica em casa porque NÃO QUER! Nunca, nenhuma feminista proibiu uma mulher de ficar em casa e voltar-se somente a isto. Quem impede muitas mulheres de não trabalhar é o capital, que exige cada vez mais condições financeiras difíceis de se alcançar pra ter um mínimo de conforto nas nossas vidas.

Não sei porque associam o movimento feminista à obrigação de exercer-se atividade remunerada. Quem está desempregada não pode ser feminista? Feminismo é um movimento social em busca de equidade, é sobre libertação, é sobre igualdade, é assim que sempre foi e, embora tentem deturpar seu sentido muitas vezes, ele continuará sendo sempre.

Pode ser feminista e dona de casa?

Algumas pessoas alegam não precisar do feminismo, achar que hoje em dia, devido a tantas conquistas, não se faz mais necessário, porém, não abrem mão do que têm graças a ele. O machismo na nossa sociedade é tão presente que faz certas mulheres acreditarem que o movimento feminista é algo negativo pra nós, como se ser livre e independente fosse algo ruim.

Se você é dona de casa, você é muito bem vinda no feminismo, suas demandas são importantes. Todas as questões referentes a criação dos seus filhos, por exemplo, importam muito pra gente. Queremos que as donas de casas e/ou mamães não se excluam da vida social e dos espaços públicos. É importante pro feminismo entender as necessidades de uma mãe que deseja, por exemplo, fazer faculdade. É importante pro feminismo, por exemplo, investir-se em meios que tornem o transporte público melhor para quem anda com filhos pequenos. Como pode então uma dona de casa não ser feminista? Todas podem ser!!! E ainda que não se identifiquem, não se denominem, nós olhamos por você.

Nos primórdios de nossa sociedade era sim proibido à mulher o direito de trabalhar, mas nunca houve uma proibição ao direito de ser dona de casa, talvez seja por isto que muitas vezes esta demanda não apareça com tanta veemência nos discursos feministas. Mesmo assim, feministas não odeiam donas de casa, muitas de nós fomos criadas por uma, conhecemos suas dificuldades e queremos de tudo para tornar o ambiente melhor para que tenhamos mais liberdade de decidir.

E você, acha possível ser dona de casa e feminista ao mesmo tempo? Deixe sua opinião ;)


Se você gostou deste texto, curta nossa página no Facebook e acompanhe 💗⇩

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Faça e Venda: Cachorro quente de forno

Se você chegou agora, seja bem vindo ao Blog Detalhes. Aqui compartilho receitas para o dia a dia, mas também receitas pra você vender e iniciar assim um pequeno negócio. Acompanhe no Vida de Doceira.

Esta receita é muito fácil de fazer e econômica pois salsicha é um produto barato que quase todo mundo gosta. Além de vender bem, eu também ofereço sachês de catchup e mostarda porque combina e o cliente fica feliz.

Receita de Cachorro Quente de forno

Receita Salgada pra vendas

Ingredientes:
  • Molho de cachorro quente pronto 
  • 2 ovos inteiros
  • 2 copos (200ml) de leite integral
  • 2 copos de farinha de trigo
  • 1 pacote de sopa/ creme de cebola
  • 100ml de óleo de soja
  • 2 col. de sopa de fermento para bolos

Modo de preparo:
  • Coloque num liquidificador (ou processador adequado para massas) os ovos, o leite, a farinha de trigo, o creme de cebola e o óleo;
  • Bata bem e acrescente o fermento;
  • Caso esteja muito líquido, acrescente mais farinha aos poucos: o ponto ideal é pastoso (veja no vídeo);
  • Assim que atingir o ponto ideal, coloque um pouco na fôrma de alumínio (marmitinha) e cubra com o molho;
  • Leve em forno médio até dourar bem

Assista o passo a passo em vídeo abaixo:


Esta receita eu vendo por R$5,00, numa embalagem de 250g, porém, este valor vai variar conforme o explicado aqui neste vídeo.

Além do cachorro quente de forno, também pode-se fazer uma tortinha de frango com esta mesma massa, observem na segunda foto. Fica super gostoso e os clientes amam!!

Se você gostou do vídeo, inscreva-se no nosso canal pra nos ajudar com seu incentivo 😊

terça-feira, 9 de agosto de 2016

Atualizações do Blog

A um tempo eu estava precisando dar uma atualizada por aqui pois criei algumas redes sociais pro blog e não usava.

Atualmente nós temos a Fanpage que é o maior canal de interação >>> Blog Detalhes
Temos o canal do Youtube onde lançamos vídeos esporadicamente >>> Blog Detalhes
O Instagram com atualizações semanais, fotos chamadas para cá e para o canal >>> @blogdetalhes
E o Pinterest que mal uso como rede social mas curto bastante >>> /blogdetalhes

Sigam nessas redes sociais pois sempre estou mandando recadinhos e notificações por lá. Eu tinha Twitter, Snapchat e We heart mas preferi me desfazer dessas redes pois nunca atualizava e não tem a ver comigo. Se caso vocês verem alguém se passando pela gente nestas redes sociais já sabem que é algo falso né? Beijinhos, Thainá.

segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Bullying em Família - Um problema que tem solução!

Neste blog damos muita importância a instituição família, ao casamento, e a união matrimonial. Quero deixar claro que eu, Thainá, respeito todas as formas de união que não resultem mal a alguém, logo, o amor e a família, por ser algo tão importante, deve ser direito de TODOS (independentemente de cor, credo e orientação sexual).

A um tempinho atrás fiz uma postagem sobre O que pode acabar com sua família e rendeu muita polêmica pois a militância LGBT e feminista é acusada injustamente de querer acabar com a família tradicional, mas o que realmente faz uma família acabar nada tem a ver com estes movimentos sociais.

A verdade que é muito difícil manter a convivência com pessoas 100% livre de atritos. Mesmo se você morar com companheiros de quarto que nada possuem de vínculo sanguíneo, ainda sim haverão desavenças. A dificuldade em vivermos sobre um mesmo teto ocorre em famílias tradicionais, em não tradicionais e até em quem não se considera família.

Além dos problemas comuns citados na postagem polêmica, algo que atrapalha demais a convivência é o Bullying entre familiares. Pra começar, vamos esclarecer o que é bullying: É todo comportamento de ameaça e intimidação a uma pessoa. Geralmente estas coações são acompanhadas de xingamentos e apelidos degradantes, por isto quando alguém faz uma piadinha desrespeitosa é comum (e errado) chamarmos de bullying. Só que na prática não faz tanta diferença... Por que? Porque todos os xingamentos, apelidos e piadinhas que fazem com que o outro se sinta mal podem gerar comportamentos intimidadores e violentos no futuro, tanto pela parte de quem ouve como pela parte de quem age. Ou seja, você pode achar que não tem nada demais em chamar alguém de "veado" ou "gordo", mas as pessoas que são violentas com estes grupos tiveram sua origem comportamental nestes pensamentos. É um mal que deve ser combatido pela raiz.

O que isto tem a ver com nossas famílias? Tudo, afinal, na maioria das vezes são elas que criam e incentivam estes comportamentos violentos, mesmo que indiretamente. Violência não é só física, palavras e atitudes também machucam e segregam. Quando os pais ficam falando pra uma filha que ela está gorda, quando os tios debocham do jeito afeminado do sobrinho, quando os avós falam mal das roupas do neto, estão contribuindo indiretamente pra uma violência futura.

É comum entre adolescentes quererem se isolar e serem taxados de rebeldes, anti-sociais por não estarem perto de seus parentes, mas pra muitos isto é uma tarefa chata. Quem nunca deixou de ir num almoço de família por saber que um parente "entrão" estaria lá? Se você já passou por isto, faça sua parte contribuindo para que certos tipos de coisa não continuem acontecendo.

Como resolver este problema? É simples: Se ao reunir sua família há um familiar dizendo coisas maldosas, deixe-o falando sozinho, não ria e se possível, discorde. Os mais jovens geralmente não tem voz pra protestar, então cabe a você dar um basta neste tipo de comportamento, pois ele pode ocorrer com você num momento posterior. 

Vamos tentar fazer de nossas reuniões familiares momentos mais agradáveis, sem alfinetadas nem piadas de mau gosto. Isto sim é ser a favor da família. O que seu sobrinho ganha, gasta ou faz não é problema de ninguém além dos pais dele. Beijos, Thainá.

Se você gostou deste texto, curta nossa página no Facebook e acompanhe 💗⇩

Faça e Venda: Mini Empadão

Quem acompanha lá no Youtube sabe que trabalho vendendo doces e salgados. Daí comecei a fazer vídeos com dicas pra quem quer se aventurar fazendo o mesmo. Criei a série 'Vida de Doceira' e isto tem gerado bastante interação.

Hoje resolvi compartilhar com vocês uma receita que me pedem muito pois a aceitação de clientela é ótima: mini empadão!

Faça e Venda: Empadão de Frango

Vendo este empadão por R$5,00 numa fôrma de 250g. O lucro é muito bom! Além disto, existem maneiras de incrementar a receita deixando-a ainda mais gostosa, vou deixar nas observações abaixo.

Ingredientes:
  • Margarina
  • Farinha de trigo
  • Sal
  • Fôrmas de alumínio
  • 1 gema
  • Coloral (opcional)
  • Molho a gosto

Observações:
  • Sobre a margarina, não importa a quantidade: ela só vai interferir no número de empadões prontos. Quando você usa um pote inteiro de 500g geralmente dá pra fazer uma média de 16, 17 empadões de 250g. A farinha de trigo que dará o ponto;
  • Você pode usar a farinha integral pra tornar o produto mais saudável, mas observe o quanto isto interferirá no preço. A aceitação é ótima visto que muitas pessoas vivem preocupadas com o corpo, então, vale a pena arriscar;
  • O sal é a gosto, mas se a margarina já for com sal, deve-se colocar menos. Não é pra deixar de usar o sal, ele interfere no gosto;
  • O óleo na gema é somente pra render um pouco mais, não faz diferença no gosto;

Modo de Preparo:
  • Coloque numa tigela a margarina e com as mãos vá misturando a farinha de trigo e o sal;
  • O ponto ideal da massa é aquele em que você consegue fazer uma tirinha de massa, por exemplo, sem ela se desfazer; Se você colocar muita farinha e ficar seca, corrija com um pouco de óleo de soja;
  • Coloque a massa nas fôrmas de alumínio, não precisa untar: deixe a massa fina pra ficar mais gostosa;
  • Encha com o molho já frio e não exagere (no vídeo é possível ver a quantidade ideal);
  • Coloque a tampa feita com a massa, pincele uma gema e leve a fogo médio a alto por cerca de 35 minutos;

Tire todas as suas dúvidas acompanhando o passo a passo em vídeo:



Depois nos conte o que acharam desta receita e se ela foi bem recebida por seus clientes. Lembre-se que o preço colocado por mim nem sempre servirá perfeitamente pra você eis que cada local vende seus ingredientes com valores distintos. Curta Doceria Detalhes pra mostrar seu apoio e ver como eu anuncio meus doces.

Se você gostou do vídeo, inscreva-se no nosso canal pra nos ajudar com seu incentivo 😊

domingo, 7 de agosto de 2016

Meu aniversário 2016

Hoje estou completando 29 anos e estou muito feliz por viver esse momento com minha família 

Comemorações do meu aniversário 2016 / Adega Aldeia's

Nós fomos na Aldeia's, que é uma adega aqui perto de onde moramos e foi muito bom. Comemos churrasco e por fim compramos uma torta pra celebrar. É raro sairmos juntos por conta de nossos afazeres no dia a dia, mas quando nos reunimos é ótimo. Estou muito feliz!!  Beijos, Thainá

sábado, 6 de agosto de 2016

Como convencer o marido a dividir as tarefas de casa?

Converso com diversas mulheres sobre a vida doméstica e uma grande reclamação entre elas é que o marido não faz nada dentro de casa. Muito disso ocorre pelo que mostrei aqui neste texto, que é a  ideia de que a mulher ser dona de casa acabar influenciando muito no comportamento do homem.

Acho injusto um homem não lavar nem um copo só porque trabalha fora e a mulher fica em casa pois dentro de casa ela também está ocupada, nenhuma dona de casa fica 100% a toa. Tem dias mais leves, mas no geral, todo dia tem serviço. Em contrapartida também acredito que se o homem ficou o dia todo pegando no pesado trabalhando, não custa nada a mulher arcar com a maior parte do serviço doméstico. O contrário também!

Estas coisas devem ser conversadas e acordadas, cada casal tem seu ritmo e muitos não se importam de fazer certas coisas. Então, o diálogo é a coisa mais importante a ser priorizada.

Mas Thainá, meu marido não conversa comigo, ele não me escuta, o que posso fazer? Primeiro defina o que gostaria que ele fizesse caso você sinta que entende melhor da dinâmica da casa que ele. Aqui por exemplo, meu marido divide as tarefas comigo, mas eu acabo determinando o que cada um fará porque entendo melhor essa dinâmica. Isto não é uma exclusividade da mulher como muitos pensam, é que a mulher desde cedo é condicionada a ser organizada tendo assim uma facilidade maior em questões de organização. Só que nem todas são assim: existem mulheres que não se identificam tanto com o padrão "dona de casa" assim como tem homens que são bem organizados. Em todos os casos precisa-se de uma certa organização por parte dos dois e geralmente uma parte do casal toma essa iniciativa: ótimo! Os problemas caseiros geralmente surgem quando nenhum dos dois tem organização alguma.

Organização na verdade não significa "perfeição". Se a maioria das coisas em sua casa tiver um local certo pra se guardar, ao acordarem e antes de dormirem vocês mantiverem a maioria em seus respectivos locais, isto já é um grande passo. Combine com seu marido que acordarão 30 minutos antes de iniciar suas atividades diárias pra dar aquela "geral" na casa (não estou falando de faxina), isto costuma funcionar bem. Também pode ser pela noite: 30 minutos antes de dormir dar aquela geral na casa.

Mas Thainá, nós não temos tempo! Bem, você pode deixar estas tarefas mais voltadas pro final de semana. Ainda sim seu problema é como convencer o maridão né?

Bem, ninguém é 100% igual, e por mais que os homens possuam características semelhantes, eles se diferem em algum detalhe. Você é a pessoa que o conhece melhor pois moram juntos, ou pelo menos você deveria conhecê-lo bem, já que são companheiros.

Os homens que não gostam de dividir as tarefas domésticas acreditam que esta é uma obrigação natural da mulher então a primeira coisa a fazer é conversar. Se isto não deu resultado, o que pode-se fazer é mostrar os malefícios desse pensamento. Se você começar a deixar de fazer coisas legais com ele porque está ocupada arrumando o que poderia ser feito em menos tempo com a ajuda dele, talvez ele sinta na pele as consequências de não dividir as tarefas da casa. A mulher que arca com tudo sozinha ficará impaciente, cansada, muitas vezes mal arrumada, e eles não costumam gostar disto. Mostre que ao ajuda-la estas coisas poderão diminuir ou não existir.

A verdade é que conversar muitas vezes não adianta nada, os homens que são folgados tendem a ignorar tudo, então, como convencer? Mostrando o quanto isto é negativo ao casamento de vocês. Existem outras questões que envolvem filhos, mas os pais são autoridades sobre eles e isto deveria ser mais fácil com a simples obediência: Vocês são os pais e eles são os filhos, isso não deve se confundir. O problema é conciliar obrigações para o marido, pra você e seus filhos. não é? Quando o marido pode, empurra o serviço para os filhos, o contrário também ocorre e nem sempre isso é justo. Cada família se conhece melhor do que ninguém e se você não tem essa sensação sobre seu companheiro, cabe refletir sobre este relacionamento. Se você não tem essa sensação sobre seus filhos, cabe tentar uma reaproximação. Família é assim, difícil de conviver, mas a proximidade facilita muito a convivência e o respeito.

Se você gostou deste texto, curta nossa página no Facebook e acompanhe 💗⇩

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Receita: Maionese Verde + Isca de Frango

Ainda no clima dos petiscos para assistir esportes, sugiro esta receita deliciosa que minha família adora quando faço. É bem simples e econômico, ideal para fazer rapidinho, sem complicação.

Receita: Maionese Temperada e Isca de Frango

Ingredientes:
  • Iscas de Frango:
- Tirinhas de filé de peito de frango
- Sal a gosto
- Pimenta
- Molho Shoyo
- Orégano
- Farinha de trigo (ou farinha de rosca)
  • Maionese Verde (também conhecida como maionese de hamburgueria, ou maionese temperada)
- 2 xic. de Maionese industrializada
- 1 col. de sopa de Alho
- 2 col. de sopa de Cebola
- 2 col. de sopa de Cebolinha

Modo de Preparo:
  • Tempere os filés de peito de frango com o sal, a pimenta, o molho shoyo e o orégano;
  • Deixe "pegando" o tempero por cerca de 1 hora;
  • Empane os filés na farinha de trigo (ou na farinha de rosca) somente encostando-os, não é necessário passar em ovos;
  • Frite os filés em óleo bem quente e coloque num recipiente com papel toalha pra escorrer o excesso de óleo;
  • A maionese deve ser batida com o alho, a cebolinha e a cebola num liquidificador ou mixer;
  • Acrescente uma pitada de sal se necessário

Acompanhe o passo a passo em vídeo abaixo:



Se você gostou do vídeo, inscreva-se no nosso canal pra nos ajudar com seu incentivo 😊

Sugestões de lanches pra assistir os Jogos Olímpicos

Não sou muito fã de esportes mas hoje vou me reunir à minha família para assistirmos a abertura dos Jogos Olímpicos aqui no Rio.

Com isto, preparei alguns lanchinhos e vou deixar algumas sugestões do que vocês podem preparar pra assistir como aperitivo.

Sugestões de aperitivos pra reunir os amigos

Coxinha (ou salgadinhos fritos): É super fácil preparar esta massa básica que serve pra coxinhas de galinha e outros salgados fritos como risoles, bolinhas de queijo, etc. Observe na receita que a única coisa que irá mudar é a "saborização" da água usada pra criar a massa. Receita aqui!

Bolinhos de Chuva: Se você prefere algo doce pra acompanhar, confira esta receita super fácil de bolinhos de chuva. Com um docinho de leite fica perfeito. Receita aqui!

Pastéis de Forno: Esta receita é simples e alternativa pra quem não curte frituras. Receita aqui!

Pão de queijo: Você pode até comprar pãeszinhos de queijo congelados, mas esta receita caseira é muito mais gostosa. Faça sem medo pois é simples, não tem nada de dificultoso. Receita aqui!

Enroladinho de Salsicha: Estes enroladinhos podem ser salsicha mas também ficam uma delícia com queijo e presunto. Receita nota mil, é esta que farei aqui em casa, mas recheado com carne moída e em forma de esfirras. Receita aqui!

Tortinhas de Frango: Esta receita é bem simples, feita com massa de pastel, e você pode ousar no recheio. Receita aqui!



Espero que gostem das sugestões e caso façam alguma das receitas, postem no Facebook (em modo público) ou no Instagram com a #BlogDetalhes


Se você gostou destas dicas, inscreva-se no nosso canal pra nos ajudar com seu incentivo 😊

quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Dicas infalíveis para uma boa noite de sono

Algumas pessoas que tem dificuldades pra dormir e abaixo segue uma lista de coisas simples que você pode fazer pra ajudar a relaxar:

- Banho morno: O banho ajuda a relaxar os músculos, abrir os poros (o que facilita a remoção de células mortas) e massagear um creme hidratante na pele ainda morna causa uma boa sensação de maciez, além de hidratá-la. Só não tome banho quente demais que faz mal pra pele.

- Alimentação leve: Não coma coisas pesadas e carboidratos complexos antes de dormir. O ideal é que, caso você pretenda consumir tais alimentos, seja no mínimo umas 2 horas antes do horário de deitar-se.

- Um copo d'água: Tomar um copo (200ml) de água antes de dormir ajuda também na questão do relaxamento muscular. Mas não abuse pra não sentir vontade de urinar a noite toda. É um saco levantar pra ir ao banheiro, então, evite acidentes huahaha

Como ter uma boa noite de sono

- Evite tragédias: É super comum chegar em casa e ver o noticiário antes de dormir, sei que queremos mantermos nossas mentes bem informadas. Porém, procure algo leve e evite telejornais sensacionalistas onde transmitem apenas notícias pesadas.

- Desligar toda tecnologia: Existem estudos que apontam que quartos com TV ligada, computadores, celulares, causam uma espécie de "tensão" no ar que atrapalha o sono. O ideal é livrar-se desses aparelhos e colocá-los em outros cômodos, mas se não for possível, não ligue-os e não os mantenha na tomada.

- ASMR: Contrariando a dica acima, uma coisa que costumo ouvir antes de dormir são vídeos de ASMR no Youtube, que reproduzem sons estimulantes e relaxantes, são muito gostosos de ouvir. Recomendo muito o Canal Mandy Francesa que tem vídeos ótimos deste tipo.

- Tire a comida do congelador: Esta não é uma dica pra dormir bem mas algo que de vez em quando esquecemos antes de dormir, que é tirar a comida que consumiremos no dia seguinte pra descongelar huahahaha




Espero que gostem das dicas e me contem se tem algum ritual antes de dormir, gostaria de conhece-las melhor. Beijos, Thainá.

Se você gostou deste texto, curta nossa página no Facebook e acompanhe 💗⇩

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Quem mais se mete na nossa vida?

Quando a gente se casa, vai morar junto do/a companheiro/a, tem filho, quer construir casa ou qualquer outra grande decisão, existe um exército de pessoas dispostas a se meter nas nossas escolhas, quem nunca passou por isso? Geralmente os militantes da intromissão são concentrados na família!!

Eis aqui abaixo os tipos mais comuns e como despistá-los:

- A mãe super protetora: Geralmente nossas mamães, por mais boazinhas que sejam, pouco acreditam na nossa capacidade de dar conta sozinha/o. Elas geralmente vem com o discurso: "_Eu já passei por isto..." e resume em tudo que está acontecendo, sendo a vontade dela, a única solução viável. Geralmente ela corta o que você está falando, não te deixa concluir uma explicação. Ou se não corta, ouve mas finge que não ouviu e continua apresentando argumentos que NADA tem a ver com o que você disse. As vezes é apelativa, diz que vai se matar, coisas do tipo.Nesses casos, é melhor não discutir, diz que fará como ela sugeriu e faça do seu jeito.

- O pai infantilizador: É comum com nós mulheres sermos paparicadas pelos nossos pais pois sempre fomos a "princesinha" da família. Daí quando a gente cresce e torna-se independente, a ficha deles demora a cair. Tudo que argumentamos é respondido com algo infantil ou uma risada subestimadora. O suspiro e a risadinha é essencial pra que eles se sintam pais carinhosos, mesmo quando atrapalhando nossos planos. Sugestão: Diga algo obsceno na frente deles!! huahuahaha

- A tia/ prima "experiente": Geralmente temos uma tia (ou prima, normalmente mais velha) na família que seguiu o caminho distinto das demais donas de casa: viajou pro exterior, é super independente financeiramente, tem carro, é solteira e (se diz) bem resolvida. Ela acredita ser o exemplo de mulher século XXI, mas quando você decide revolucionar também, se ela não concordar, ela apelará para o conservadorismo. Enfim, ela é super prafrentex, moderna, independente, mas se você faz o mesmo num caminho que ela considere errado, você tá errada e ela tentará te impedir apelando para "a moral e os bons costumes". Dica: Pergunte porque algo é considerado moralmente errado e não aceite "porque sim" como resposta. Brincadeira, deixe falando sozinha porque nem vale a pena.

- O "tio pavê": O tio pavê é aquele chato, pegajoso, que quer beijar suas bochechas o tempo todo (cheios de saliva, sempreeee), está sempre suado e é similar ao seu pai infantilizador. Geralmente as intromissões deles são boas porque vem acompanhadas de um envelopinho com dinheiro, então, fica mais fácil relevar. Ele te olha como a rebelde da família e acredita que tudo é somente uma fase, olha para o céu suspirando e não discute muito. Mas se ele for do tipo de discute, a dica é: como ele provavelmente é corno, toque em qualquer assunto relativo à esposa dele, pois esta é seu ponto fraco desde que contratou um novo personal trainer. (O nome "tio-pavê" vem da famosa piadinha "é pavê ou pacumê")

- A amiga teórica: Essa amiga é bem sucedida financeiramente, é politicamente correta, ecologicamente correta, ama os animais e está sempre sorrindo. Ela também acha que sabe de tudo da sua vida. O problema é que ela dá opinião sem que peçamos, ela nunca casou, nunca teve filhos, e acha que entende de tudo. Muito do que diz faz sentido somente na teoria. É daquelas que critica a postura da esposa barraqueira ao ver o ex-marido com outra, esquecendo-se totalmente que existe uma coisa chamada "sangue correndo nas veias". Solução: Faça-a provar do próprio veneno, vire fiscal da vida dela também huauhahaha.

- O primo/ tio graduado: Ele se acha a última Coca-Cola no deserto por ter uma formação a mais que o restante da família. Ele acredita que sua pós em engenharia alimentícia o tornou sabedor de todos os males da humanidade. Também acredita que você falhou na educação dos seus filhos, mas quando era jovem cometeu algum pequeno crime, usou alguma droga proibida, e hoje se acha santo. Cuidado, esse tipo de gente moralista não tem nada a acrescentar a não ser exemplo de como não agir. Dica: mande tomar no C*

- O filho ciumento: Você criou aquela criaturinha com muito sacrifício e todo amor. Você segurou o choro várias vezes na frente dele pra não parecer fraca, também deixou o pedaço de bolo pra ele (mesmo salivando), enfim, foram muitas renuncias pra que ele te visse como uma quase santa. Mas você não é, você também chora, xinga e as vezes, sente tesão. O que inimaginável na cabeça do seu pequeno príncipe. Mas você é humana, e se está pensando mil vezes antes de levar seu novo/a companheiro/a pra casa, lembre-se que a mãe é você e que os incomodados que se mudem. Dica: Não sei, não sou mãe ainda huahuahahaha Que tal vocês deixarem as dicas nos comentários? Vou adorar :)

- A velha guarda da família: Nossos vovôs e vovós são uma das melhores partes da nossa vida. Eles tornaram nossa infância mais doce, nos contavam histórias super legais e nos colocavam no colo quando nossos pais brigavam com a gente. Mas nossos velhinhos tem dificuldades em aceitar o novo, o moderno, eles sempre vão achar que você deveria lavar as roupinhas do bebê na mão ao invés da máquina, eles vão achar que seu projeto de construção é megalomaníaco e desnecessário pois na época deles não podia-se gastar tanto, eles sempre vão achar que tudo que é novo e moderno não funciona bem... Dica: Aproveite, avós são maravilhosos e quanto mais velhas nós ficamos mais difícil é tê-los




Enfim pessoal, qual estereótipo acima citado mais ocorre na sua vida? Lembrem-se que este texto é voltado a um tom mais humorístico, não levem tão a sério assim, ok? A internet precisa de algo mais leve de vez em quando. Beijos, Thainá.

Se você gostou deste texto, curta nossa página no Facebook e acompanhe 💗⇩

terça-feira, 2 de agosto de 2016

Como controlar o Youtube para crianças?

Vocês sabem que aqui no blog temos uma extensão no Youtube com vídeos de dicas super legais, não sabem? Se ainda não sabiam, inscrevam-se pra conhecer, tenho certeza que vão amar!!

O Youtube tem se tornado cada vez mais presente nas nossas vidas, pois muita gente passou a ter acesso a smartphones e Tvs inteligentes. Com ele temos acesso a conteúdos informativos mas também a lazer e entretenimento. Se você usa pouco o Youtube, tenho certeza que vai gostar de conhecer melhor. As crianças são uma das maiores audiências no Youtube, provavelmente seu filho assiste desenhos por lá, não é?

Já comentei nesta postagem algumas dicas pra melhor uso do Google (o Youtube é um serviço do Google) e uma dúvida que surgiu entre os seguidores de nossa Fanpage foi como controlar o acesso de crianças no Youtube, impedindo-as de ver conteúdo impróprio.

Isto é bem simples: Quando você acessa o Youtube, basta não fazer login com sua conta do Google (Gmail) pois os vídeos impróprios pra menores precisam de login pra confirmar a idade de quem está assistindo.

Você também pode, através do computador usado pra assistir, ativar o filtro "Modo restrito". Basta ir no fim da página e ativá-lo desta maneira.

Clique na imagem pra aumentar

Note que isto deve ser feito em todos os navegadores que seu filho usar, ou seja, Internet Explorer, Google Chrome, Mozilla, etc.

Você também pode fazer login com a conta de seu filho e através dela bloquear canais que considere impróprios, mas esta é a medida menos eficaz visto que existem milhões de canais no Youtube e cada dia surgem novos.



Enfim pessoal, espero que com estas dicas vocês se sintam mais seguros com o que seus filhos assistem no Youtube e também se rendam a esta rede social maravilhosa que cresce e se profissionaliza cada dia mais. Beijos, Thainá.

Se você gostou destas dicas, inscreva-se no nosso canal pra nos ajudar com seu incentivo 😊

segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Perfis inspiradores para seguir no Instagram

Uma rede social que uso de vez em quando é o Instagram. Algumas pessoas dizem que é um mundo artificial porque as pessoas compartilham fotos forçadas, mostrando uma realidade que não vivem, mas eu não vejo as coisas por esse ângulo. Na verdade, a vida já é muito difícil e ver fotos inspiradoras nos faz buscar o melhor. Não quero ver foto de tristeza, pessoas mal sucedidas fazendo coisas ruins, pessoas mal arrumadas... quero ver algo que me inspire ser melhor, por isso uso-o com moderação (pra não ficar iludida demais huahauahaha).

Eis aqui uns perfis bem lindinhos que sigo e recomendo que vocês sigam também ;)


Instagram Blog Mandy Francesa

Mandy Francesa: A Mandy é minha amiga de blog e tudo que ela faz é perfeito gente! O que me chamou atenção nela é que ela é super humana, gente como a gente, mas as fotos e os vídeos que ela produz são simplesmente maravilhosos. O Canal dela tem um toque meio lúdico e por isso indico muito.



Instagram Barbara Graves

Like Old Times Blog: Eu conheci o blog e o canal da Barbara quando pesquisava por blogueiras que compartilham coisas do universo vintage e retrô. Ela é profissional áudio visual e com isso os vídeos dela são PERFEEEEITOS. O Instagram não poderia ser diferente. Esse que estou indicando pra vocês é do blog dela mas ela também tem um perfil mais pessoal. Ambos são lindos e com muito bom gosto.




Náthaly Himmel: A Náthaly é minha amiga de intercâmbio. Eu a conheci quando morei no Colorado e ela me deu um suporte maravilhoso nos momentos difíceis, isso pra mim é inesquecível, alguém que sempre vou levar no coração. Esse estilo boneca dela é tudo verdade gente, não é daquelas pessoas que se faz de fofa na internet e pessoalmente não é: ela é exatamente assim, um amor de pessoa!! E o bom gosto na fotografia eu acredito que tenha se inspirado no marido dela, que é fotógrafo.




Blog Ny and About: Eu também conheci a Martha na época que fui Au pair mas não pessoalmente, infelizmente. Na época, ela alugava quartos em NYC e cheguei a cogitar ir pra lá a passeio, mas acabou não indo pra frente (infelizmente). Ela foi Au pair como eu e é um amor de pessoa. No canal dela e nas poucas vezes que nos falamos parecia ser uma adolescente, mas ela é muito madura na realidade. Além disso, é fotógrafa, então o Instagram dela é mara!! Acessem também o blog que tem várias dicas pra quem quiser conhecer a cidade de Nova Iorque.




Indico muito essas meninas que são super caprichosas com seus feeds e muitas pessoas podem não conhecer. Vamos valorizar uma blogosfera mais diversificada e dar oportunidade pra pessoas que não são tão famosas mostrem seus trabalhos ;) Espero que tenham gostado das indicações. Em breve farei uma indicação em post assim versão "dona de casa". Mil beijos, Thainá.

Se você gostou destas dicas, curta nossa página no Facebook e acompanhe 💗⇩