sábado, 20 de agosto de 2016

Mãe de pet x Mãe de gente

A nova onda do Facebook é a guerrinha entre mães e mulheres que se reivindicam "mães de pet" (mães de animais de estimação).

Não preciso nem dizer que isto é ridículo né? Comparar os cuidados que uma criança demanda com os cuidados que um bichinho demanda é o cúmulo!! 

Tenho uma amiga mãe de pet que ficou chateada por desmerecerem o cuidado que ela tem com seus cãeszinhos, e pelo menos nesse ponto eu entendo porque convivi com muitas mulheres que se acham superiores pelo simples fato de terem filhos (falei sobre elas aqui).

Agora querer comparar? Sem essa!


Nenhuma mãe de pet deixa de sair por causa do pet, salvo raríssimas exceções. Nenhuma mãe de pet é culpada pelo mal comportamento do pet, dizendo que ela "passa muito a mão na cabeça" do pet. Animais geralmente agem no automático, bastando alimentá-los e pronto. Banho uma vez por semana, quando quer castigá-los deixa o bichinho sem acesso a algum local... agora criança é diferente, elas são imprevisíveis, o cuidado é além do alimentar, você precisa entender como seu filho pensa, você se culpa por coisas que não deveria, você é cobrado/a por outras pessoas que não tem moral alguma pra palpitar, enfim, ser pai e mãe não é fácil!!

Muitas vezes dizer-se mãe de pet soa arrogante, uma postura elitista, pois muitas mulheres tem seus filhos em situações não programadas e vivem, por conta disto, com muitas dificuldades, especialmente a financeira. Mãe de pet tem a opção de ser ou não, a sociedade não as cobra que procrie, nunca é e nem será a mesma coisa, mas podemos viver em harmonia.

Acredito que muitas mulheres se digam mãe de pet por brincadeira, então, não leve esta história tão a sério que ao invés de nos unir, apenas nos separa. Acredito também que muitas mulheres problematizem este assunto por insegurança, por tentarem vender a maternidade real como algo acima do bem e do mal, bastando uma simples brincadeira para abalar seu ego... 

Enfim, o melhor é levarmos esta história na esportiva e nos concentrarmos em problemas de verdade para que a maternidade, seja de pet ou de crianças de verdade, seja sempre algo bom para a mulher e pra sociedade também.

Se você gostou deste texto, curta nossa página no Facebook e acompanhe 💗⇩

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mensagens mal educadas não serão aceitas *